quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

Recordar é viver...

Sessão Nostalgia

Hoje vamos recordar de alguns hábitos que foram deixados para trás com o avanço tecnológico, para perceber como isso afetou o nosso dia-a-dia, seguem alguns exemplos:

Consultar enciclopédias

Quem já precisou consultar a Barsa ou a Britannica hoje respira aliviado com a facilidade de rapidez das novidades tecnológicas. Antes de chegar o Google e a Wikipédia, foram lançados alguns CD-ROMs interativos, mas hoje a internet ocupou de vez este lugar.

Comprar filme para câmera fotográfica


 
A câmera fotográfica a alguns anos atrás exigia a compra e a revelação dos filmes, que em sua maior capacidade permitiam 36 fotografias e contava com a possibilidade de queimar algumas fotos. Com as câmeras digitais, a mudança foi gigantesca, hoje os cartões de memória mais simples permitem cerca de 800 fotografias.


Escrever cartas


O namorado distante para se comunicar com sua amada utilizava as cartas, que, dependendo da localidade, levava dias para chegar até o destino. Porém, hoje, não só é possível mandar e-mails (correio eletrônico), como mandar mensagens em redes sociais ou até gravar um vídeo e postar em algum serviço.

Usar lista telefônica 

 

A lista de páginas amarelas já foi a principal fonte para descobrir o contato de algum estabelecimento ou pessoa, hoje com uma busca na internet já é possível achar quase todas as informações sobre um comércio, por exemplo.

Utilização de disquetes
Esse veio antes do CD, tinha a "impressionante" capacidade de armazenar 1,44 Mb, hoje alguns pendrives acessíveis podem armazenar oito mil vezes esta capacidade, diferença básica. Hoje os disquetes que sobraram são utilizados para outros fins, como na figura abaixo.


Locar fitas de vídeo

 
As famosas fitas VHS, precisavam ser rebobinadas antes de devolver para a locadora, além disso era um sacrifício para voltar e avançar as cenas, não tinha extras e nem opções de idioma, ou você locava dublado ou locava legendado. Graças a Deus, com o tempo, as fitas foram dando lugar aos DVDs e, mais recentemente, aos discos Blu-Ray.

Fazer ligações em um orelhão 

Muito utilizados na época em que era mais caro ter uma linha em casa, os telefones públicos, atualmente, são cada vez mais esquecidos. Parte do desinteresse nesse tipo de telefone é por conta pela facilidade na aquisição de celulares.

Vamos louvar a Deus pelas realizações tecnológicas que Ele nos permite desfurtar, rs.
Que a inovação esteja com você
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário